Boletim da Copa: Japão surpreende e Rússia mostra força

boletim da copa

Neste sexto dia de Copa do Mundo, o torneio finalizou as estreias restantes e já iniciou a segunda rodada da primeira fase. O dia teve resultados surpreendentes do grupo H, com vitórias de Japão e Senegal e ainda contou com a consolidação da Rússia, que vem se mostrando como uma das melhores seleções do evento até o momento.

Com um a menos a partida inteira, Colômbia cai

Iniciamos o dia de Copa com as estreias de Colômbia e Japão. O primeiro, favorito para ficar na liderança do grupo H, acabou perdendo para a zebra asiática por 2 a 1 e ligou o alerta para os próximos jogos.

A história da partida começa logo aos 2 minutos, quando Carlos Sanchez fez pênalti e acabou expulso, deixando a Colômbia com um homem a menos durante toda o duelo – foi a segunda expulsão mais rápida da história das Copas. O Japão converteu a batida com Kagawa, mas sofreu pressão dos colombianos que empatou em cobrança de falta de Quintero pouco tempo depois. Apenas no segundo tempo que os japoneses voltaram melhor e mataram a partida com gol de Osako. Três pontos e sonho mais próximo com o mata mata do mundial. A Colômbia se mostrou ineficiente no confronto, mas poderá dar a volta por cima jogando com 11.

Vitória dos africanos!

Senegal mostrou ter uma equipe mais organizada que a Polônia, que decepcionou em sua estreia. Muitos esperavam um bom futebol do time de Lewandowsky, mas não foi isso que se viu em campo. Aliás, o atacante foi engolido pela boa atuação da zaga africana, em especial Koulibaly, zagueiro do Napoli, um dos destaques do confronto.

Os senegaleses abriram o placar ainda no primeiro tempo com um gol contra de Cionek. Outra vacilada da defesa aconteceu no segundo gol dos africanos, quando Bednarek e Szczesny bateram cabeça e Nyang aproveitou para ampliar sem goleiro. A Polônia diminuiu apenas no final do jogo com Krychowiak, mas já era tarde demais: 2 a 1. Derrota dura não apenas pelo resultado, mas pela postura do time em campo. Já Mané e companhia tomam o favoritismo do grupo H para avançar ao mata mata.

cheryshev
Cheryshev fez mais um gol e lidera a artilharia da Copa junto de Cristiano Ronaldo (Foto: Getty Images)

A surpreendente Rússia

A Rússia até aqui é a maior surpresa da Copa. Muitos acreditavam que a dona da casa seria uma das anfitriãs mais decepcionantes da história da competição, mas não é isso que estamos vendo. Os russos venceram suas duas partidas jogando bem e com os placares bem gordos. 5 a 0 na estreia contra a Arábia Saudita e vitória convincente por 3 a 1 em cima do Egito. Vaga ao mata mata consumida e reais chances de terminar na liderança do grupo A.

Mesmo com Salah em campo – que não estava 100% e fez um jogo mediano, os egípcios não se encontraram em campo e foram dominados pelos donos da casa, que fizeram o resultado com gols de Fathy (contra), Cheryshev (novamente destaque) e Dzyuba. A estrela do Egito diminuiu em pênalti convertido no segundo tempo, mas foi só: segunda derrota e um grande amargo na boca dos Faraós, que tentarão ao menos se despedir da Copa vencendo os frágeis árabes em sua última partida.

O que acontece agora?

A Copa do Mundo segue nesta quarta-feira com três jogos: às 09h, Portugal e Marrocos abrem o dia. Às 12h, Uruguai e Arábia Saudita duelam em confronto que promete muitos gols. Às 15, a Espanha tenta sua primeira vitória na Copa do Mundo em duelo contra o Irã.

Saiba como fazer suas apostas jogos de futebol

boletim-da-copaClique aqui e confira mais notícias do boletim da copa no BetMais

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *