Resultados consistentes colocam Real Madrid e Juventus com um pé na final da Champions League

Os primeiros jogos da semifinal da UEFA Champions League praticamente definiram os finalistas da competição. Real Madrid abriu grande vantagem sobre o seu rival, Atlético de Madrid, em casa por 3 a 0, enquanto a Juventus bateu o Mônaco no State Louis II, por 2 a 0. Apenas uma grande surpresa para fazer ambas as equipes não avançarem à decisão do maior torneio de clubes do mundo, até pelo bom momento que vivem na temporada.

Na terça-feira, os merengues não deram chances aos colchoneros, com show de Cristiano Ronaldo, que marcou um “hat-trick” e comemorou seu oitavo gol nos últimos três jogos da UCL. O meio de campo consistente, com a qualidade do passe de Modric, Kroos e Isco fez o Real dominar o Atlético, que fez partida irreconhecível e que deve amargar sua quarta eliminação seguida para o rival no torneio.

Cristiano Ronaldo merece um parágrafo à parte. O melhor do mundo novamente se mostra determinante para os merengues rumo ao título do campeonato europeu. O gajo chegou ao seu décimo gol na competição e ficou a um da artilharia. Além disso, ultrapassou a marca de 100 gols no torneio (103). Sem dúvidas o grande trunfo da equipe para a partida de volta, que deve pegar um Atlético menos precavido na defesa, que vai buscar tirar a vantagem de gols do Real.

O segundo jogo acontece na próxima quarta-feira, às 15h45 (horário de Brasília), no Vicente Calderón. Os torcedores colchoneros não parecem estar esperançosos para a partida, pois na BetMais, vitória do Real está pagando menos que vitória do Atlético, mesmo fora de casa – 2.62 a 2.63.

Na quarta-feira, a Juventus mostrou sua frieza defensiva e parou o principal ataque da Europa na casa deles. O Mônaco bem que tentou pressionar com seu artilheiro Falcão Garcia e os jovens talentos Bernardo Silva e Mbappe, mas esbarraram na muralha construída por Chiellini, Bonucci e Buffon. Feito impressionante, levando em conta que o time do Principado ultrapassou os 100 gols na temporada.

1493759640_693988_1493845061_noticia_normal

Juventus garantiu bom resultado jogando fora de casa que a colocou muito próxima da grande final

Na frente, Higuain resolveu marcando os dois gols. Porém, o destaque da partida mesmo foi Daniel Alves. O lateral brasileiro deu as duas assistências para os tentos do argentino, além de mostrar grande poder defensivo. Apesar de revezar a titularidade da equipe na temporada, Dani Alves é o terceiro jogador que mais jogou nesta edição da UCL com a camisa da Velha Senhora (ficou fora só de duas partidas) e surpreendentemente, é o atleta que mais criou para gols em toda competição. Sua experiência vem ajudando muito a Juve e vai ser essencial para brecar o Mônaco no jogo de volta.

Os italianos jogarão na Arena Juventus podendo perder por até um gol de diferença na próxima terça-feira (9), às 15h45 (horário de Brasília). Nada muito difícil para uma equipe que sofreu apenas dois gols em todo torneio e que não perde em casa desde 2015. Os fãs da Velha Senhora estão até mesmo otimistas com vitória de sua equipe, com as odds da BetMais pagando 1.65 contra 5.35 de um resultado positivo dos franceses.

Saiba mais

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *